10 conselhos para quem se está divorciando

Aqueles que estão passando por um período de separação amorosa reconhecem bem que as dificuldades que enfrentam são muitas, desde as emocionais até as econômicas e práticas maiores. Neste momento, toda a assistência é bem-vinda e tem de ser examinada com cautela e atenção. Compreenda alguns conselhos que podem ser muito benéficos em caso de divórcio:

Conselhos para as pessoas que se estão a divorciar…

  1. Nenhum divórcio é fácil e fácil, mesmo que o pedido de separação se baseie totalmente na sua decisão ou num acordo amigável. Entender que vários obstáculos precisarão ser vencidos e que isso é comum permite manter a calma durante todo o processo.
  2. Tenha em mente que um divórcio não deve de forma alguma ser considerado um fracasso não público ou que você não é capaz de amar, ser procurado ou comprometer-se com um cortejo. A separação é o sinal mais útil de um cortejamento que não tem funcionado, mas que pode ser experienciado um sucesso diferente.
  3. No início do processo de divórcio, você pode ficar cheio de dúvidas sobre se está ou não fazendo a coisa certa, principalmente se você tem filhos com seu ex-parceiro. Não se preocupe: o sentimento é natural e experimentado por todos os casais.
  4. Não subestime ou disfarce os seus sentimentos. É comum experimentar altos e baixos em alguma fase da separação e enfrentar conflitos emocionais e combos de tristeza, tristeza, alívio, raiva, entre outras confusões. Aceite a sua humanidade e trabalhe o que for desconfortável no decorrer do processo.
  5. Você ainda quer governar a tensão e a pressa e saber que pode levar muito tempo para superar um divórcio. Evite fazer comparações com outros casais e mantenha o seu próprio pesar, respeitando os seus próprios limites.
  6. Se você teve problemas para falar sobre dinheiro junto com seu marido, saiba que o assunto pode ser ainda mais espinhoso depois do divórcio. Contas pendentes e a divisão dos preços com seus filhos possivelmente resultarão em cansaço.
  7. Se você tem filhos coletivamente e o ex já está preocupado em outro cortejo, entenda que lidar com a presença de outra mulher sob os cuidados dos pequenos pode ser mais difícil do que você pode imaginar. Tentar manter o reconhecimento e a civilidade, no entanto, é vital para o bem estar dos pequeninos.
  8. Casais que têm amigos em comum também podem aceitar a realidade de que vão perder alguma companhia, em particular se a separação tiver passado de uma forma pouco amistosa e eles vão sentir o desejo de tomar partido.
  9. A transição entre ex-companheiros e amigos pode levar tempo e, em alguns casos, nem sequer tomar área, especificamente se eles agora não trabalham coletivamente ou têm filhos que reconhecem no lugar comum.
  10. Após o divórcio, seus filhos pequenos também podem se perguntar por que você e seu ex casaram. Lembrar e dizer aos filhos que eles se divertiram muito coletivamente e que certamente se amaram, mas que hoje em dia não estavam mais em sintonia, pode ajudar a fazê-los reconhecer mais alto o processo de separação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Releated

Como amar novamente após o divórcio

Não é muito fácil passar por um divórcio emocionalmente laborioso: este doloroso procedimento deixa os preocupados confusos com a idéia de começar de novo por conta própria. A existência pós divórcio pode aparecer como uma busca incontável para posicionar os pés no chão e manter o sonho de novo. Cinco passos para superar o divórcio […]